População

A Venezuela possui, em 2005, 26.7 milhões de habitantes. A taxa de crescimento é de 1, 38%. Em 2015, espera-se que a população seja 31.3 milhões de habitantes. A sua densidade é de 30 habitantes/ km2. A população encontra-se desigualmente repartida. No norte do país, que representa 20% da superfície nacional, habitam mais de 85% dos venezuelanos. Enquanto quase metade da área terrestre situada a sul do rio Orenoco é povoada por apenas 5% da população.

Segundo estimativas de 2005, 93, 4 % dos venezuelanos residem em áreas urbanas, entre os quais a capital, Caracas, onde residem 3 226 000 habitantes. Seguem-lhe importância as cidades de Maracaíbo, Valência, Barquisimeto e Maracay, todas elas com mais de 250 mil habitantes. Enquanto cerca de 6,6% da população reside em áreas rurais.

           clip_image002

Da população, 29, 1% tem idades compreendidas entre os 0 e 14 anos, 65,7 % entre os 15 e 64 anos e 5,2 idades superiores a 65 anos. A idade média é de 26 anos. As taxas de natalidade e de mortalidade são, respectivamente, de 18,71 nascimentos/1000 habitantes e 4,92 mortes/1000 habitantes. A taxa de mortalidade infantil é de 21,54 mortes/ 1000 nascimentos. A taxa de fertilidade é de 2,7  crianças nascidas/ mulher (2005). Segundo estimativas de 2001, o valor do Índice de Desenvolvimento ajustado ao Género (IDG) é de 0,767. Segundo estimativas de 2005, o valor do Índice do Desenvolvimento humano (IDH) é de 0,792 (74º– médio).  A taxa de literacia da população é de 93, 4%.

Diversidade étnica e cultural

Os venezuelanos não são uma mistura exclusiva de europeus e índios. Na era colonial, os traficantes trouxeram escravos negros para a costa das Caraíbas, trocando-os por café e tabaco. Deste modo, muitos dos habitantes tem também antepassados africanos. Os venezuelanos na sua maioria são de raça mestiça (69%), mas existem também, em minoria de raça branca (20%), negra (9%) e índia (2%).

                          clip_image004

A cultura venezuelana é marcada por tipos regionais, com peculiaridades de liguagem, costumes e herança histórica como os llaneros, (vaqueiros das planícies), os maracuchos (empresários da bacia do Maracaíbo), os guayaneses (habitantes do remoto planalto das Guianas) e os andinos (que vivem nas montanhas). Na semidesértica península de Guajira residem os guajiros. Estes têm uma vida tradicional. Criam gado bovino e caprino. Os homens usam um toucado de penas em ocasiões solenes. Por sua vez, as mulheres usam um vestuário tradicional constituído por mantos largos de algodão preto ou com desenhos que as cobrem até aos pés. A sudoeste de Maracaíbo reside uma tribo índia, os Motilones. A norte do Maracaíbo reside outra tribo, os paraujanos que vivem em cabanas construídas sobre estacas (as palafitas).

image       image

                Guajiros                                                       Palafitas

Nos Llanos residem os llaneros que guardam o gado nas planícies desertas. Estes têm sangue índio. São eles que praticam a dança nacional da Venezuela, o joropo. O vestuário dos llaneros consiste em fatos simples de linho branco, com golas militares, chapéus de aba larga e botas.

image image

Povoado típico na região dos Andes                          Llaneros

Religião

O catolicismo romano é a religião mais importante na Venezuela, dado que 91, 7 % da população é católica. A tradição estatal é laica e tem uma total liberdade de culto e completa separação entre o Estado e a Igreja. Destacam-se também várias igrejas protestantes (2%) e pequenos grupos judeus (principalmente em Caracas e Maracaibo) e muçulmanos. Tal como acontece nos outros países da América Latina, existe a prática de cultos que consistem numa fusão de elementos das religiões indígenas, da religião dos descendentes dos escravos africanos e do catolicismo, como o culto de María Lionza.

Idioma

A língua nacional e oficial é o espanhol. Mas existem também numerosas línguas indígenas e introduzidas pelos imigrantes.

Imigração

Com o começo do processo de industrialização, no final da década de 1940, iniciou-se uma importante imigração de origem espanhola, italiana e portuguesa. Essa imigração foi aumentando até 1958. Na década de 1970, o processo de imigração voltou a acontecer, mas desta vez, protagonizado por cidadãos de origem sul-americana.
Actualmente, essas imigrações deram origem a uma população completamente integrada.

Saúde e qualidade de vida

O governo da Venezuela subsidia um limitado programa de saúde, que cobre acidentes laborais e pensões. Segundo estimativas de 2004, a esperança de vida é de 71 anos para homens e de 77,3 anos para as mulheres. Deste modo, a esperança média de vida da população é de 74,15 anos.

Emprego

Entre 1996-2005, 11% da população da Venezuela trabalhava na agricultura, 69% no comércio e actividades de serviços e 20%, na exploração petroleira e mineira.

A taxa de desemprego, no período de 1996 a 2005, foi de 15.8%.

O trabalho organizado na Venezuela está formado por sindicatos, associações e ligas campesinas. A organização de maior importância consiste na Confederación de Trabajadores da Venezuela (CTV).

Fontes:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Venezuela, captado no dia 20 de Fevereiro de 2008 às 14 horas e 50 minutos

http://unesdoc.unesco.org, captado no dia 20 de Fevereiro de 2008 às 16 horas e 26 minutos

http://www.brasilescola.com/geografia/venezuela2.htm, captado no dia 20 de Fevereiro de 2008 às 14 horas e 34 minutos

http://www.ciberamerica.org, captado no dia 19 de Fevereiro às 12 horas e 22 minutos

http://www.ngallery.org/latin_america/venezuela.html, captado no dia 20 de Fevereiro de 2008 às 15 horas e 11 minutos

Lexicoteca (1988 ) Moderna Enciclopédia Universal (Colecção Lexicoteca, vol. 18, ed.1634, p.139). Circulo de leitores

Selecções do Reader´s Digest (1988 ) Enciclopédia geográfica: um guia ilustrativo dos países e cidades do Mundo e das maravilhas da Natureza e do homem (p.718 – 719). Selecções do Reader´s Digest

Venezuela. In Infopédia. Porto: Porto Editora, 2003-2008. [Consult. 2008-03-01]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: